A revista americana VMAN, publicou hoje uma matéria — acompanhada de um ensaio fotográfico — sobre Hero, que estará em sua próxima edição de Primavera/Verão. Confira traduzida:

Forças da Primavera: Hero Fiennes-Tiffin, “O Romeu”

Uma série de livros jovem-adulta de sucesso, chega às grandes telas, lançando um futuro protagonista.

 

Sua participação aparece nas páginas da VMAN41, nossa edição de primavera de 2019, nas bancas de jornais no dia 1º de março!

Um ator semi-conhecido ser levado à fama instantânea só aconteceu algumas muitas vezes na história dos fandons. Aconteceu com Daniel Radcliffe e Robert Pattinson, Jamie Dornan e Ansel Elgort, e está praticamente garantido para acontecer com Hero Fiennes Tiffin nesta primavera. O menino de ouro em espera, interpreta o protagonista no romance “After”, que chega aos cinemas em abril deste ano, uma adaptação projetada como uma versão mais jovem-adulta de “50 Tons” para a geração 1D.

A combinação de modelo que virou ator com jeito de protagonista, com o pedigree de Hollywood (graças à mãe cineasta, Martha Fiennes, e aos tios atores Ralph e Joseph) é infalível para acender uma verdadeira estrela que só será estimulada pelo adolescente raivoso de After, seguido de seu papo devasso. Mas atualmente, em um estúdio do Soho, o londrino de 21 anos ainda é mais conhecido como o jovem Lord Voldemort em Harry Potter e o Enigma do Príncipe. Como a maioria dos alunos de Hogwarts, ele tem seus totens da sorte. Enfiado em seu moletom com capuz, ele puxa sua nova corrente de ouro e pingente- uma miniatura de chaminés que ele escolheu em um joalheiro local em Brixton.

“Eu costumava usar apenas uma corrente que minha irmã me deu há muito tempo. Eu nunca fui extravagante com jóias. Eu simplesmente gostava de ter uma única corrente”, diz ele em um barítono desarmado que revela suas raízes de realeza da atuação e a elegância local de Battersea.

Mas usando uma touca, um moletom preto da What We Wear e jeans skinny Black Madewell, ele é tudo menos elegante. Hoje, o Escorpiano de 1.88cm parece que vai montar em uma Harley e ir embora — o que ele provavelmente faria se precisasse: “Meu irmão tinha uma [Harley],” diz ele, referindo-se a Titan Fiennes Tiffin, 23. “Eu comprei uma moto quando eu tinha 16 anos,” diz ele. “Quando éramos mais jovens [Titan e eu] montávamos onde quer que pudéssemos para dar uma volta”.

Uma Harley seria o toque perfeito para a imagem de bad boy que ele interpreta em After. O e-book original, publicado como fan fiction de One Direction pela autora Anna Todd, na época com 25 anos, chegou a ser lido um bilhão de vezes no Wattpad – um parque de diversões on-line para os fios de arlequim. Logo Todd conseguiu um acordo de publicação de seis obras, um lugar na lista de melhores vendedores do New York Times e uma opção lucrativa da Paramount. Mas para os iniciantes, o mega sucesso de After muitas vezes é uma surpresa, como aconteceu com Fiennes Tiffin. “Eu nunca tinha ouvido falar do livro antes,” ele admite. “Ouvindo quantos fãs ele possui e os números que alcançou, fiquei chocado.”

“Eu tenho autoconfiança, mas não penso em mim como o mais extrovertido. Recebo minha confiança ao fazer testes: até mesmo fazer um teste te constrói como pessoa.” – Hero Fiennes Tiffin

Com os fãs de After cada vez mais direcionando seu fandom à Fiennes Tiffin, uma pergunta surgiu: ele mesmo se acha sexy? “Eu não acho que você está autorizado a se julgar sobre isso! Eu acho que você deveria ter em mente que você é, mas eu não acho que você deveria dizer isso em público”, ele diz. “Mas eu acho que ‘sexy’ é uma palavra que pode significar coisas diferentes. Eu sinto que todo mundo deveria se ver como “sexy” em sua cabeça, mas não acho que você deveria dizer isso em voz alta.” Nem preciso dizer que ele mesmo não precisa dizer isso. Ele tem muitos escritores amadores prontos para escrever suas próprias fan fictions sobre Fiennes Tiffin online.

Desde o anúncio de Fiennes Tiffin no elenco, em julho do ano passado, os fãs de After inundaram a web com fotos e elogios, como um tweet dizendo: “Senhoritas, chega de mandar mensagens bêbadas para nossos ex’s, nós só mandaremos DMs bêbadas para Hero Fiennes Tiffin agora.” Alguns foram tão longe a ponto de examinar detalhadamente os poucos disparos de paparazzi de Fiennes Tiffin, dando zoom em seu bíceps ou em seu abdômen em forma de V. O que ele acha de toda essa atenção? “O que os fãs fazem, o esforço que eles fazem, é tão incrível,” diz ele com diplomacia. “Definitivamente há elementos que são chocantes e elementos que são muito legais, mas você tem que levar isso com uma pitada de sal.”
Não foi a popularidade do livro que atraiu Fiennes Tiffin tanto quanto a complexidade de seu personagem, Hardin, que a desavisada Tessa (Josephine Langford, irmã de Katherine) encontra em seu campus universitário. Quando ele descobriu que Hardin anda na linha entre o pedaço misterioso e o idiota brutal, ele afastou a leitura do livro, que é contada inteiramente a partir da perspectiva de Tessa. Em vez disso, para entrar no escritório particular de Hardin, Fiennes Tiffin conversava diariamente, muitas vezes por horas a fio, com a autora Anna Todd, que estava no set e coproduziu o filme.

Ele trabalhou duro para conseguir um papel de protagonista; Fiennes Tiffin pode listar os projetos que ele tem feito, mas não conseguiu garantir: Dunkirk de Christopher Nolan, The Hate U Give e a segunda temporada de Stranger Things. “Eu me lembro de assistir [eles] e pensar, com qual parte eu fiz o teste? E [um personagem] começaria a dizer as falas da audição e eu fiquei tipo, ‘Ah, eu lembro!’ ”, ele diz. “[Mas] às vezes, depois de um tempo você pensa, eu devo estar fazendo algo errado.”

O que não quer dizer que ele não tenha confiança. “Eu sou definitivamente confiante em mim,” diz ele. “Eu sou seguro, mas não me considero o mais extrovertido. Eu recebo minha confiança através de audições; até mesmo fazer uma audição te constrói como pessoa ”. Mas há pelo menos alguns projetos na frente dos quais nenhum teste será necessário: ele já assinou as sequências planejadas para After.

Enquanto Fiennes Tiffin diz que muitos fãs ainda precisam se aproximar dele na vida real, ele sabe que isso pode mudar em breve. Se ele está pronto para a fama é outra história. “Eu não sei se você pode estar pronto para esse tipo de coisa,” diz ele. Quanto às comparações com “50 Tons”, este mestre-em-treinamento não se incomoda. “Obviamente [50 Tons] foi muito bem,” diz ele. “Então, ser comparado a isso não é uma coisa ruim… [Mas] algumas cenas não serão divertidas demais para assistir com os pais.”

Matéria Original: Vman Magazine | Tradução: Karolline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)

Arquivado em Artigos, Destaque, Matérias, Notícias, Revistas