A Revista WWD, publicou hoje fotos de um ensaio fotográfico, acompanhadas de uma entrevista com Hero, que você pode conferir traduzida a seguir:

O ator britânico chega ao drama romântico “After” como o bad boy Hardin Scott.
Se tudo o que você sabe sobre Hero Fiennes Tiffin são seus ensaios editoriais, ou as cenas de seu personagem nos trailers do filme “After”, você pode se surpreender com a humildade saudável do verdadeiro Fiennes-Tiffin. Apesar de seu papel de estréia como protagonista no cinema – e um dos mais aguardados -, o ator de 21 anos parece estar enraizado em gratidão sem pretensão. Consciente de que a entrevista teve que ser remarcada várias vezes para encaixar uma turnê promocional em todo o mundo que estava apenas começando a aumentar, ele começou e encerrou a conversa com um pedido de desculpas pelo que estava fora do seu controle. “Desculpe por ter demorado tanto” diz ele, talvez pela terceira vez.

Ele pode interpretar o bad boy na tela, mas pessoalmente sua doçura brilha.

Para o ator e modelo britânico, seu caminho para estrelar ao lado de Josephine Langford em “After” foi um longo processo. Seu primeiro papel foi uma participação de um dia para um amigo de seu pai – um diretor de fotografia e diretor-roteirista – quando ele tinha nove ou dez anos; Seu próximo papel foi interpretar o jovem Tom Riddle em “Harry Potter e o Enigma do Príncipe”, mais tarde retratada por seu tio, Ralph Fiennes. Seu outro tio é Joseph Fiennes; sua mãe também trabalha na indústria, como diretora. Fiennes Tiffin estava praticamente destinado às telonas.

“Acho que foi uma coisa gradual”, diz Fiennes Tiffin sobre sua incursão no cinema. “Minha família estando na indústria definitivamente teve um efeito sobre isso no começo, porque eu não teria considerado uma opção se eu não estivesse em uma família que faz isso.” Apesar de seus primeiros papéis, ele não foi imediatamente convencido [a atuar]. “Eu não saí pensando: ‘É isso que eu quero fazer’. Continuei indo para a escola e fazendo coisas normais de crianças que crianças querem fazer. E foi o tempo que passei longe da atuação que eu percebi o quanto eu gostava”, acrescenta. “Meus pais obviamente sempre me apoiaram muito nessa indústria, mas também me deixaram muito ciente de que isso não é garantido e você também deve ter um plano B e outras coisas. O que é, obviamente, completamente verdadeiro, mas felizmente agora estou em uma posição em que está indo bem.”

Indo bem é um eufemismo, embora Fiennes Tiffin permaneça democrático sobre a reação ao filme antes de seu lançamento oficial. O filme é uma adaptação da popular série de romance para adultos recém-publicada por Anna Todd, que começou a escrever a história como uma fan fiction de Harry Styles. (O personagem de Fiennes Tiffin teve seu nome mudado para Hardin Scott, para a publicação). Se tudo correr bem nas bilheterias, existem livros subsequentes da série prontos para serem lançados. O projeto tem semelhança com outro sucesso auto-publicado: “Fifty Shades of Grey”, que foi inegável em sua influência sobre a carreira da estrela Jamie Dornan. Ainda há algumas semanas até a estreia do filme, Fiennes Tiffin ainda não assistiu à edição final.

Estou esperando o momento certo – meu laptop está quebrado”, diz ele. “Eu tenho a capacidade de assisti-lo; Eu vou assistir quando for a hora certa.” Ele não estava com muita pressa, no entanto. “Eu sinto que assistir a si mesmo é sempre um pouco estranho, mas assistir a si mesmo em cenas de sexo provavelmente será um pouco mais estranho. Estou interessado em ver como eu reajo.”

Hero Fiennes/por: Jenna Greede

“Espere e veja” define grande parte da abordagem de Fiennes Tiffin à sua carreira no momento. Com tanto fandom em torno do projeto, ele parece destinado a se encaixar nas mentes da já dedicada base de fãs do livro. O ator descreve a atenção como positivamente esmagadora. “É ótimo o tanto de apoio que temos e tivemos desde o início até agora. É muito útil em termos de interação, porque isso é muito novo para mim e bastante impressionante. Eu provavelmente não sou o melhor em manter contato com os fãs, mas o apoio é todo reconhecido e apreciado.”

Apesar de sua popularidade, o ator não tinha ouvido falar do livro antes de sua audição, e ele não o leu depois de ser escalado, sustentando que era melhor ficar com apenas um pedaço do material de origem para não interpretar mal nenhum aspecto do personagem. Ele sustenta que seu interesse no projeto é motivado pelo personagem: “a profundidade e mistério de um personagem que lentamente se desenrola e lentamente dá ao público mais e mais conhecimento [sobre o interior do personagem] é muito atraente para um ator”, diz ele. “É aquela história de amor que nunca fica velha, contada de uma forma moderna e refrescante.”

Brevemente contada, a história é a seguinte: uma boa menina doce e bondosa vai para a faculdade e conhece o bad boy descompromissado com sotaque e um “problema de raiva”.

Fiennes Tiffin aborda a premissa com uma boa dose de realismo romântico.

“Acho que está tentando dizer a verdade geral de que há pessoas que se amam e haverá dificuldades em seu relacionamento, e o amor é um tipo de coisa que vai, de alguma forma, superar todas essas dificuldades”, diz ele. “E pode não ser bonito, mas esperançosamente o final será. Isso é o que eles estão buscando.”

Enquanto um retorno a Hardin Scott pode estar nos planos (há muitos outros livros “After” para explorar, sem mencionar um “Before“), Fiennes Tiffin tem alguns outros projetos flutuando em torno dele que o ator está “muito, muito interessado”, um dos quais, um drama da Guerra Civil.

“Nesta indústria você tem que esperar e ver”, diz ele. “Muitas coisas têm que se mover e isso é apenas a natureza de tudo, então você meio que quer manter a mente aberta e não se amarrar em uma coisa. Mas as coisas que estamos ligados, estou bem animado.”

Particularmente na preparação para “After”, ele está levando as coisas dia a dia.

“As pessoas perguntaram ‘Estou pronto para isso?’ e sempre digo que sinto que estou o mais preparado que posso estar”, diz ele. “Mas não acho que você pode estar pronto para algo que não conhece. Acho que tenho que ser grato, aceitar um dia de cada vez e ver aonde vai.”

Hero Fiennes/por: Jenna Greede

 

Hero Fiennes/por: Jenna Greede

Arquivado em Artigos, Destaque, Entrevista, Matérias, Notícias

ELLE GIRL RÚSSIA

Estamos na temporada de entrevistas!! Confira abaixo, traduzida, a entrevista de Hero para a Elle Girl Rússia.

Apesar da agenda ocupada, Hero encontrou um tempo para nós e ele ligou lá da Londres chuvosa antes da Promo Tour, para nos contar sobre seu novo drama de romance e saciar a nostalgia de Harry Potter.

EG: Hero, nós mal podemos esperar pelo lançamento de “After”! Esse foi seu primeiro papel principal. Existiu algum ritual especial para se aproximar do personagem?

Hero: Eu não costumo conduzir nenhum ritual para me aproximar de um personagem, mas me preparar para o papel de Hardin foi muito diferente do normal. No ensaio, eu tinha apenas duas semanas e isso é, na verdade, insanamente pequeno! Em geral, tive a sorte de ter tido a oportunidade de conversar com diretores e trabalhar com um professor de atuação porque não havia tempo. No set, tudo aconteceu tão rápido que mal tivemos tempo de navegar.

EG: Você acha que tem algumas semelhanças entre você e seu personagem Hardin? Ou você é completamente diferente?

Hero: Bem, nós temos algumas características comuns, mas em geral, não somos a mesma pessoa. A única coisa que nos aproxima é a capacidade de pensar demais por muito tempo e, como resultado, ser inteligente demais. Isso não é bom, eu sei, eu sei (risos).

EG: O que Hardin te ensinou?

Hero: A confiar em minha própria intuição, ouvir o que meu coração diz, e não negligenciar algumas coisas puramente instintivas da intuição.

EG: O filme “After” foi classificado como um gênero drama romântico. Com que frequência você assiste algo assim? Você tem, a princípio, gêneros e filmes favoritos?

Hero: Eu não assisto frequentemente dramas românticos, mas às vezes eu posso assistir algo assim. É como com música – não há gêneros ruins, em cada um deles terá algo legal. E quanto ao filme, então eu adoro filmes de terror e policiais. Eu gosto da imprevisibilidade do enredo, situações inesperadas e, claro, movimentos bem escritos. Eu diria que o meu filme favorito é “Memento“, é impossível prever o que realmente está acontecendo. Geralmente, no topo dos verdadeiros clássicos, eu amo “Pulp fiction“, “O resgate do soldado Ryan” e tudo isso.

EG: Que tipo de música você prefere?

Hero: O mais diferente. Eu ouço muito rap, há canções de Lana Del Rey e até mesmo folk irlandês na minha playlist. Eu amo artistas americanos também, mas acima de tudo, provavelmente, rap inglês. Me parece que os representantes da geração mais jovem em geral, distinguem o rap no contexto do resto.

EG: Claro, não podemos nos impedir de perguntar sobre o seu papel do pequeno Tom Riddle em Harry Potter. Você se lembra do que sentiu quando foi ao set pela primeira vez?

Hero: A primeira vez eu estive no set foi apenas como convidado. Eu não podia imaginar que seria parte dessa história. Quando vi Dan (Daniel Radcliffe), não pude imaginar que iria apertar sua mão uma vez e dizer: “Oi Daniel, é um prazer te conhecer, vou fazer o papel de seu inimigo mortal” (risos). Eu sou incrivelmente feliz porque eu pude me tornar uma parte disso.

EG: E se você realmente estudasse em “Hogwarts”, então o que você acha, para qual casa você seria enviado pelo Chapéu Seletor?

Hero: Eu definitivamente iria para a Sonserina porque está no meu sangue (risos). Muitos ainda acreditam que Sonserina é uma casa onde um vilão vai, mas se você mergulhar na história de Hogwarts, isso não é absolutamente verdade.

EG: Nossa revista de abril é dedicada ao tema da saúde mental. Você já encontrou crises de autopercepção ou autodeterminação?

Hero: Eu tive muita sorte, porque eu não tive nada disso. No entanto, meus amigos próximos sofriam de ansiedade, ataques de pânico e você não diria que eles têm algo errado. Por fora, tudo parecia normal, mas por dentro eles simplesmente explodiam por todos esses problemas. Me parece que em tal situação é importante entender que você não está sozinho e que tais coisas acontecem a muitos. Você precisa monitorar constantemente seu estado mental, para que esses problemas não dominem sua vida, não sobreponha todas as coisas boas com ele, e, é claro, é importante ficar atento para que essas coisas não ocorram.

EG: Você é de uma família muito criativa: pais-diretores, tios que são atores. Você sempre quis ser ator? Ou havia outros desejos?

Hero: Quando eu era um garotinho, como qualquer criança em Londres, eu queria jogar futebol em geral, eu gostava de muitas coisas, eu tive passatempos diferentes. Honestamente, o tempo livre muitas vezes faltava bastante, bem, como sempre acontece, com a escola e o dever de casa regular. Mas depois das aulas eu sempre tentei fazer outra coisa, dediquei muito tempo aos esportes. Quanto à atuação, não houve uma coisa que acordei uma manhã e disse a mim mesmo: “Bem, é isso, quero ser ator, ponto final”. Veio gradualmente.

EG: Então você nunca foi muito empenhado em atuar?

Hero: Eu tive aulas de teatro na escola, mas não participei de nenhuma aula extra. Eu estava mais interessado em esportes.

EG: Imagine que as próximas 24h estão absolutamente livres para você e você pode fazer o que quiser. O que você faria?

Hero: Você sabe, minhas próximas 24h estão realmente livres! E adivinhe, eu vou dormir 🙂

EG: Quais são seus planos para o futuro? Talvez algo diferente do que atuar?

Hero: Sim, quero ter tempo para fazer tantas coisas! Por enquanto, vou continuar no jogo, mas veremos.

  • Tradução: Kamila (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Artigos, Entrevista, Matérias, Notícias

Hero Fiennes-Tiffin teve sua primeira experiência como a versão jovem muito não-heróica de Lord Voldermort, interpretado por seu tio Ralph Fiennes, em Harry Potter e o Enigma do Príncipe. Um surto de crescimento depois, o ator de 21 anos é escalado para interpretar o bonitão, porém problemático, personagem principal masculino na adaptação cinematográfica do romance de Anna Todd, After. Aqui, cinco coisas para saber sobre nosso ViewGuy de março.

1. “Ninguém nas ruas nunca me reconheceu por causa de Harry Potter. Eu fui afortunado o suficiente por ter feito isso bem no momento antes de entrar na puberdade, o que, então, mudou dramaticamente minha aparência. Existem muitos fãs de Potter, mas eu não acho que tive um papel grande o suficiente para ficar na mente das pessoas.”

2. “Hardin Scott, o personagem que eu interpreto em After, é um cara problemático com muita coisa na cabeça. Ele é muito ingênuo/tolo, assim como muitos jovens são.”

3. “Eu amo jogar Fortnite quando tenho tempo. Essa é a conversa mais nerd para se ter, mas eu e meus amigos crescemos jogando videogame. Para mim, e mais sobre a jogabilidade do que os movimentos, roupas e essas coisas.”

4. “A música “Hero” do Enrique Iglesias foi cantada para mim durante minha infância junto com um monte de outras músicas, tipo “Hero” de Mariah Carey, e “I Need a Hero” de Bonnie Tyler.

5. “O próximo filme que estou participando é sobre a Guerra Civil Americana. É uma coisa sobre a qual não aprendemos nada na Inglaterra, então eu tenho feito inúmeras aulas de história e pesquisas.”

  • Matéria Original: Interview Magazine | Tradução: Caroline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Artigos, Entrevista, Filmes, Matérias, Notícia, Notícias, Projetos

É você Voldemort? — Daily Mail UK

O jornal britânico Daily Mail UK publicou uma pequena matéria em seu site sobre o Hero, confira traduzida:

É você, Voldemort? O sobrinho de Ralph Fiennes, que interpretou o jovem vilão, consegue sua primeira capa de revista (e os fãs de Harry Potter lutam para reconhecê-lo).

Ele é mais conhecido por interpretar um jovem Tom Riddle (também conhecido como Lord Voldemort) em Harry Potter e o Enigma do Príncipe. Mas os fãs da franquia de sucesso lutarão para reconhecer o jovem ator em seu mais recente projeto, uma filmagem latente para uma revista brilhante.

Dez anos depois de seu papel de protagonista como o inimigo de Harry Potter, Hero Fiennes-Tiffin foi escolhido a dedo para cobrir a capa da edição de março do Gentleman’s Journal.

Fiennes-Tiffin, que compartilha seu sobrenome com seus famosos tios Joseph e Ralph, tem agora 21 anos e esculpe uma carreira de sucesso no showbiz.

Ele também pode receber gorjetas na moda depois de andar na passarela da Dolce & Gabbana no Milan Fashion Week.
A edição especial dos atores do Gentleman’s Journal reconhece a nova geração de estrelas masculinas em ascensão, apelidada de “Pacote Britânico”.

Entre eles estão Leo Suter (atualmente estrelando a série Dois), Malachi Kirby (Black Mirror, raízes) e Tom York, que interpreta o irmão de Demelza em Poldark.

Mais conhecido por interpretar Voldemort, Fiennes-Tiffin está agora a libertar-se do mundo mágico com uma parte importante em After, o drama romântico de Jenny Gage baseado no romance de Anna Todd com o mesmo nome.

Quando perguntado sobre suas famosas conexões, o ator iniciante diz: “Nós definitivamente expressamos nossa criatividade como uma família. Embora na verdade eu não fale muito com eles sobre atuação, porque eles estão bem ocupados e espalhados.

Quando os vejo, o que é mais interessante é falar sobre família, filhos, meus priminhos que não vejo há séculos. Nós preferimos usar esse tempo com o bate-papo da família do que o trabalho. Mas eles sempre dão muito apoio e entram e me dizem que estão orgulhosos, o que significa muito.”

Quando perguntado se ele está capitalizado em seu nome famoso, Fiennes-Tiffin responde: “Bem, isso me leva à mesa e, quando estou lá, tenho grandes sapatos para encher. Mas, realmente, nada além de bom vem disso. Tenho muita sorte de estar nessa posição.”

A estrela em ascensão supostamente tem cerca de 49 contas de fãs dedicadas a ele no Instagram sozinho, mas ele é indiferente sobre sua fama, dizendo: “Eu nunca fui muito grande no Instagram. Eu preferiria ouvir o que as pessoas tinham a dizer na minha cara – eu não estou muito interessado em passar por comentários e verificar-me, mas eu aprecio todo o amor que eles estão mostrando. Há muitas profissões em que o seu acompanhamento social é fundamental agora. Mas perseguir seguidores é estranho para mim. Eu prefiro focar no trabalho. Se você é bom, vai conseguir trabalho. E se eu tiver comida na geladeira e roupas nas costas, ficarei feliz.”

Arquivado em Artigos, Destaque, Matérias, Notícias

A revista americana VMAN, publicou hoje uma matéria — acompanhada de um ensaio fotográfico — sobre Hero, que estará em sua próxima edição de Primavera/Verão. Confira traduzida:

Forças da Primavera: Hero Fiennes-Tiffin, “O Romeu”

Uma série de livros jovem-adulta de sucesso, chega às grandes telas, lançando um futuro protagonista.

 

Sua participação aparece nas páginas da VMAN41, nossa edição de primavera de 2019, nas bancas de jornais no dia 1º de março!

Um ator semi-conhecido ser levado à fama instantânea só aconteceu algumas muitas vezes na história dos fandons. Aconteceu com Daniel Radcliffe e Robert Pattinson, Jamie Dornan e Ansel Elgort, e está praticamente garantido para acontecer com Hero Fiennes Tiffin nesta primavera. O menino de ouro em espera, interpreta o protagonista no romance “After”, que chega aos cinemas em abril deste ano, uma adaptação projetada como uma versão mais jovem-adulta de “50 Tons” para a geração 1D.

A combinação de modelo que virou ator com jeito de protagonista, com o pedigree de Hollywood (graças à mãe cineasta, Martha Fiennes, e aos tios atores Ralph e Joseph) é infalível para acender uma verdadeira estrela que só será estimulada pelo adolescente raivoso de After, seguido de seu papo devasso. Mas atualmente, em um estúdio do Soho, o londrino de 21 anos ainda é mais conhecido como o jovem Lord Voldemort em Harry Potter e o Enigma do Príncipe. Como a maioria dos alunos de Hogwarts, ele tem seus totens da sorte. Enfiado em seu moletom com capuz, ele puxa sua nova corrente de ouro e pingente- uma miniatura de chaminés que ele escolheu em um joalheiro local em Brixton.

“Eu costumava usar apenas uma corrente que minha irmã me deu há muito tempo. Eu nunca fui extravagante com jóias. Eu simplesmente gostava de ter uma única corrente”, diz ele em um barítono desarmado que revela suas raízes de realeza da atuação e a elegância local de Battersea.

Mas usando uma touca, um moletom preto da What We Wear e jeans skinny Black Madewell, ele é tudo menos elegante. Hoje, o Escorpiano de 1.88cm parece que vai montar em uma Harley e ir embora — o que ele provavelmente faria se precisasse: “Meu irmão tinha uma [Harley],” diz ele, referindo-se a Titan Fiennes Tiffin, 23. “Eu comprei uma moto quando eu tinha 16 anos,” diz ele. “Quando éramos mais jovens [Titan e eu] montávamos onde quer que pudéssemos para dar uma volta”.

Uma Harley seria o toque perfeito para a imagem de bad boy que ele interpreta em After. O e-book original, publicado como fan fiction de One Direction pela autora Anna Todd, na época com 25 anos, chegou a ser lido um bilhão de vezes no Wattpad – um parque de diversões on-line para os fios de arlequim. Logo Todd conseguiu um acordo de publicação de seis obras, um lugar na lista de melhores vendedores do New York Times e uma opção lucrativa da Paramount. Mas para os iniciantes, o mega sucesso de After muitas vezes é uma surpresa, como aconteceu com Fiennes Tiffin. “Eu nunca tinha ouvido falar do livro antes,” ele admite. “Ouvindo quantos fãs ele possui e os números que alcançou, fiquei chocado.”

“Eu tenho autoconfiança, mas não penso em mim como o mais extrovertido. Recebo minha confiança ao fazer testes: até mesmo fazer um teste te constrói como pessoa.” – Hero Fiennes Tiffin

Com os fãs de After cada vez mais direcionando seu fandom à Fiennes Tiffin, uma pergunta surgiu: ele mesmo se acha sexy? “Eu não acho que você está autorizado a se julgar sobre isso! Eu acho que você deveria ter em mente que você é, mas eu não acho que você deveria dizer isso em público”, ele diz. “Mas eu acho que ‘sexy’ é uma palavra que pode significar coisas diferentes. Eu sinto que todo mundo deveria se ver como “sexy” em sua cabeça, mas não acho que você deveria dizer isso em voz alta.” Nem preciso dizer que ele mesmo não precisa dizer isso. Ele tem muitos escritores amadores prontos para escrever suas próprias fan fictions sobre Fiennes Tiffin online.

Desde o anúncio de Fiennes Tiffin no elenco, em julho do ano passado, os fãs de After inundaram a web com fotos e elogios, como um tweet dizendo: “Senhoritas, chega de mandar mensagens bêbadas para nossos ex’s, nós só mandaremos DMs bêbadas para Hero Fiennes Tiffin agora.” Alguns foram tão longe a ponto de examinar detalhadamente os poucos disparos de paparazzi de Fiennes Tiffin, dando zoom em seu bíceps ou em seu abdômen em forma de V. O que ele acha de toda essa atenção? “O que os fãs fazem, o esforço que eles fazem, é tão incrível,” diz ele com diplomacia. “Definitivamente há elementos que são chocantes e elementos que são muito legais, mas você tem que levar isso com uma pitada de sal.”
Não foi a popularidade do livro que atraiu Fiennes Tiffin tanto quanto a complexidade de seu personagem, Hardin, que a desavisada Tessa (Josephine Langford, irmã de Katherine) encontra em seu campus universitário. Quando ele descobriu que Hardin anda na linha entre o pedaço misterioso e o idiota brutal, ele afastou a leitura do livro, que é contada inteiramente a partir da perspectiva de Tessa. Em vez disso, para entrar no escritório particular de Hardin, Fiennes Tiffin conversava diariamente, muitas vezes por horas a fio, com a autora Anna Todd, que estava no set e coproduziu o filme.

Ele trabalhou duro para conseguir um papel de protagonista; Fiennes Tiffin pode listar os projetos que ele tem feito, mas não conseguiu garantir: Dunkirk de Christopher Nolan, The Hate U Give e a segunda temporada de Stranger Things. “Eu me lembro de assistir [eles] e pensar, com qual parte eu fiz o teste? E [um personagem] começaria a dizer as falas da audição e eu fiquei tipo, ‘Ah, eu lembro!’ ”, ele diz. “[Mas] às vezes, depois de um tempo você pensa, eu devo estar fazendo algo errado.”

O que não quer dizer que ele não tenha confiança. “Eu sou definitivamente confiante em mim,” diz ele. “Eu sou seguro, mas não me considero o mais extrovertido. Eu recebo minha confiança através de audições; até mesmo fazer uma audição te constrói como pessoa ”. Mas há pelo menos alguns projetos na frente dos quais nenhum teste será necessário: ele já assinou as sequências planejadas para After.

Enquanto Fiennes Tiffin diz que muitos fãs ainda precisam se aproximar dele na vida real, ele sabe que isso pode mudar em breve. Se ele está pronto para a fama é outra história. “Eu não sei se você pode estar pronto para esse tipo de coisa,” diz ele. Quanto às comparações com “50 Tons”, este mestre-em-treinamento não se incomoda. “Obviamente [50 Tons] foi muito bem,” diz ele. “Então, ser comparado a isso não é uma coisa ruim… [Mas] algumas cenas não serão divertidas demais para assistir com os pais.”

Matéria Original: Vman Magazine | Tradução: Karolline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)

Arquivado em Artigos, Destaque, Matérias, Notícias, Revistas

A Revista alemã BRAVO, que alguns dias atrás já havia revelado o pôster oficial de After como a capa de sua nova edição, publicou ontem em seu site uma matéria com dez fatos sobre Hero Fiennes-Tiffin. Confira traduzida:

O galã, Hero Fiennes-Tiffin, está na boca de todos desde o anúncio de “After“. Nós temos 10 fatos sobre o jovem de 21 anos que você certamente não sabia.

1. Hero Fiennes-Tiffin interpretou um personagem de “Harry Potter” com seu tio.

O Hero Fiennes-Tiffin (21) fez o papel do Tom Riddle, de onze anos de idade – também conhecido como Lord Voldemort – em Harry Potter e o Enigma do Príncipe. Ele fconseguiu o papel graças ao seu tio Ralph Fiennes (56), que interpretou Voldemort.

2. Hero Fiennes-Tiffin: Cheio de talentos.
Você sabia que o Hero não é apenas um sucesso como ator, mas também um ótimo modelo? Recentemente, ele modelou para a Dolce & Gabbana. Com esse belo rosto, não é nenhuma surpresa!

3. Um rapaz de família.
A família é a coisa mais importante para a estrela de “After”. Ele tem um relacionamento muito próximo com seus irmãos Titan Nathaniel (23) e Mercy (17). Sua irmã mais nova, Mercy, você já deve conhecer do filme “The Duchess”. A família Fiennes-Tiffin definitivamente tem talento no sangue.

4. Medidas e características de Hero.
Hero tem um contrato com a agência de modelos “STORM”. Aqui está suas medidas e características para você:

Altura: 1.88 cm
Tamanho de vestuário: 38
Peito: 94cm
Cintura: 76cm
Número de calçado: 41
Cor do cabelo: Marrom escuro
Cor dos olhos: Verde

5. Sua filmografia anterior.
Com apenas 21 anos, Hero já tem alguns papéis no cinema em sua carreira. Nós os listamos para você:

2008: Bigga Than Ben (como Spartak)
2009: Harry Potter e o Enigma do Príncipe (como Tom Riddle)
2012: Private Peaceful (como o jovem Charlie Peaceful)
2017: The Secret Life of Flowers (curta metragem)
2018: Safe (série de TV)
2019: After, romance de Anna Todd (como Hardin Scott)

6. Papel dos sonhos de Hero.

Hero revelou em uma entrevista que seu maior sonho é um papel em “Game of Thrones”! Seu irmão e ele são os maiores fãs da série de sucesso. Talvez haja uma surpresa na última temporada!

7. É por isso que ele raramente publica nas redes sociais.
Suas redes sociais são bastante limitadas. É por isso que quando perguntaram a Hero por que ele não tem postado muito nas redes sociais, ele revelou que vê tudo, mas quer que sua presença on-line tenha algum significado.

8. Sua garota dos sonhos.
Atualmente, o doce ator está oficialmente solteiro e, de acordo com suas próprias declarações, está totalmente focado em sua carreira. Hero descreve sua menina dos sonhos da seguinte maneira: “A aparência não é importante para mim, os valores internos contam, se eu tiver que namorar uma garota, apenas a química já é o suficiente”. Ele tem um ótimo relacionamento com sua colega Josephine Langford. Talvez os dois logo sejam o novo casal dos sonhos!

9. É assim que ele passa seu tempo livre.
Hero gosta de relaxar com seus melhores amigos. Os garotos sempre se divertem juntos e circulam pelas casas de Londres.

10. Fã de motocicletas.
O ator é apaixonado por motocicletas, como evidenciam suas inúmeras fotos no Instagram. De acordo com suas redes sociais, ele conseguiu sua carteira de motorista em 2015!

  • Tradução: Rebecca (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Artigos, Matérias, Notícias