O futuro rei do YA e sua rainha na tela discutem sua adaptação “excitante”, “After”.

No Dia dos Namorados, o primeiro trailer oficial de After provocou uma história de amor diferente de qualquer outra que o grupo YA provavelmente viu nas telonas sem a supervisão de um adulto. Além de colocar os adolescentes e os pais em alerta máximo, o trailer nos apresentou duas estrelas em formação: Hero Fiennes Tiffin e Josephine Langford, que interpretam os amantes Hardin e Tessa. Baseado na série de livros After, After, o filme, que chega aos cinemas em 12 de abril, segue Tessa por um buraco de coelho de 50 tons, adjacente a Hardin, uma presença de Harry Styles que ela encontra em seu campus universitário.

Como os românticos protagonistas do filme, Fiennes Tiffin e Langford podem estar na crista de um blockbuster de busca de calor, mas nenhum dos dois é um estranho para o brilho do holofote; Nascido em Londres, Fiennes Tiffin é sobrinho dos atores Joseph e Ralph Fiennes, enquanto sua colega australiana é irmã de Katherine Langford, estrela de Os 13 Porquês. Mas, como descobrimos quando o casal na tela sentou-se recentemente com V, experimentar a fama em primeira mão é outra história – que inclui tudo, desde assistir a suas próprias cenas escandalosas com a família ao manuseio de cobras.

Leia a entrevista completa abaixo:

 

JL: Devo começar? Vamos apenas falar aleatoriamente. Como você era na escola?

HFT: Acho que eu era muito diferente na escola. Eu mudei muito, mas eu era um cara legal, eu acho. Eu não me meti em muita confusão. Quando olho para trás, sinto falta daqueles momentos com meus amigos. Como você era na escola? O que te atraiu a atuar, ou quando você pegou o rumo?

JL: Na escola, eu era a criança estranha, eu acho. Mas no começo eu achei [atuar] divertido e sabia que era algo que eu queria fazer, então [eventualmente] eu comecei a tentar entrar na indústria.

HFT: Eu sei o que você quer dizer. Todo mundo é estranho na escola, na verdade. Qual foi sua primeira obsessão quando criança? Eu acho que sei… Foi “Eurovision”? Podemos concordar que discordamos que isso seja mais importante que a Copa do Mundo…

JL: [Risos] Ah! Eu amo o Eurovision! É a melhor coisa do mundo e deve ser uma visualização obrigatória. Eu poderia falar sobre isso por um tempo…

HFT: Falando de música, foi One Direction, [a inspiração para After], um grande sucesso crescente na Austrália?

JL: Foi tão grande quanto em qualquer outro país. Eu escutei um dos seus álbuns e pensei que era bom, mas eu não, necessariamente, fazia parte do fandom.

HFT: Você soou bastante defensiva aí! [Risos]

JL: [Risos] Eu acho que eles estão indo bem como artistas solo! Você era fã? Que música você gosta?

HFT: Eu gosto de pensar que eu ouço uma variedade, mas minha playlist é dominada pelo rap do Reino Unido. E você?

JL: Um monte de coisas. São músicas honestamente individuais, em oposição a artistas ou álbuns – o Spotify realmente contribuiu para isso. Que livros você leu quando criança? Você era um grande leitor?

HFT: Hum, eu definitivamente não li tanto quanto deveria [ler]. O primeiro livro que li foi Horrid Henry – Vocês tiveram isso? É sobre esse garoto, Henry, que está em apuros o tempo todo e aborrece seu irmão, Peter. Eu sou o mais novo [na minha família], então eu me identifiquei mais com Peter, e meu irmão era mais um Henry. Enfim, estou me aprofundando muito nisso [de ler].

JL: Falando sobre livros, como você conseguiu sem papel em Harry Potter e o Enigma do Príncipe?

HFT: Minha mãe é diretora no Reino Unido e ela conhecia as pessoas que estavam escolhendo o elenco; eles não tinha encontrado [alguém para] o papel [do jovem Tom Riddle] ainda e perguntaram se um dos filhos dela queria fazer audição. Ela teve que me persuadir um pouco; Eu não achei que ia conseguir o papel e [fazer audição] significava perder seis dias de aula, basicamente. Mas, eventualmente, eu consegui o papel, para minha surpresa…O que você achou de After quando leu o roteiro?

JL: Eu estava em um avião na primeira vez que li. Achei que era uma ótima história e que era um pouco excitante. [Com o tempo] eu ganhei mais confiança no que estávamos fazendo e fiquei mais e mais ansiosa para o filme. E você?

HFT: Sempre achei difícil responder esse tipo de pergunta… Mas [eu reagi] estranhamente parecido com você; [Achei] que era uma ótima história.

JL: Tem alguma cena que você está ansioso para assistir no filme? Ou uma que você não está ansioso para ver? [Risos]

HFT: Eu não estoy ansioso para ver muitas cenas com meus amigos e minha família. Estou ansioso para assistir as cenas em que eu não estou, tipo as cenas que você volta pra casa… Foi um desafiou manter seu sotaque americano para a Tessa?

JL: Não foi, porque eu tentei falar desse jeito o máximo que podia, às vezes muito irritante.

HFT: Por quanto tempo você manteve o sotaque?

JL: Acho que eu estava até usando isso [fora do set]. Tem algumas situações, quando você está na América, que as pessoas te entendem melhor sem sotaque australiano. Quando você leu o roteiro, imaginou alguém como Tessa?

HFT: Outra atriz [que precisou sair] foi originalmente escalada para interpretar a Tessa, então minhas expectativas mudaram [a esse respeito], obviamente. Mas depois disso, o processo foi direto; Eu não criei nenhuma expectativa, realmente.

JL: Eu não imaginei mais ninguém também… Você é britânico, e seu personagem era britânico, então isso atendeu às minhas expectativas. Você não tem tatuagens e o personagem tem, então isso os desafiou! Em termos de colaboradores, há algum com quem você gostaria de trabalhar?

HFT: Minha mãe. Adoraria ser dirigido pela minha mãe.

JL: Essa é uma boa resposta! Você já ficou “tietando”?

HFT: Eu acredito que não. Você já?

JL: Não. Teve uma entrevista que fiz há 2 anos atrás e que ficou um pouco fora de contexto, dizendo que eu estava “tietando” alguém em um filme. Mas isso não aconteceu realmente. Definitivamente, existem pessoas que conheci e que respeito, mas estou realmente consciente do fato de que por trás [da fama] há um ser humano e uma pessoa normal.

HFT: Você tem algum medo? Do que tem medo?

JL: [Rindo] Fico feliz que tenha perguntado isso! Há um mito que está sendo perpetuado de que eu tenho medo de cobras. E eu não tenho medo de cobras!

HFT: [Rindo] Você sabe onde isso começou?

JL: Você!

HFT: Ok, foi uma suposição incorreta, baseado no fato de que você é da Austrália, mas você se assustou com aqueles pequenos insetos aquáticos, eu presumi que você também teria medo de cobras. [Risos] Me desculpe por criar o boato.

JL: Eu só quero esclarecer que eu tenho uma apreensão muito normal e natural em relação aos animais que podem matá-lo como cobras ou ursos, mas eu nunca vou gritar ou dar chilique se eu o ver porque isso seria incrivelmente estúpido. Eu segurei uma cobra para um ensaio fotográfico!

HFT: Oh! Eu também! Para uma ensaio diferente. Como foi para você segurar a cobra?

JL: Eu pedi para segurar a cobra. Era uma cobra albina muito fofa e eu fiquei tipo “Posso segurá-la?” Eu acho que o nome dele era Ben. Como foi segurar sua cobra?

HFT: Por sorte, ele fez xixi no dono antes de eu pegar, então não teve que fazer xixi em mim. Foi legal, mas eu não me sinto tão inclinado a segurar a cobra. Eu me sinto instintivamente, com o jeito que cobras ou aranhas se movem, meu instinto me diz para não chegar perto.

JL: Justo o suficiente.

Matéria Original: Vman Magazine | Tradução: Karolline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)

Arquivado em After, Entrevista, Notícias, Projetos

Alguns dias atrás, foi liberada uma entrevista — acompanhada de ensaio fotográfico e vídeo de bastidores — do Hero para a famosa revista Elle (EUA). E ontem (19), a ramificação Australiana da revista publicou uma matéria sobre o Hero. Confira traduzida:

Quem é Hero Fiennes-Tiffin? Tudo o que você precisa saber sobre a estrela de ‘After’

A estrela em ascenção interpreta Hardin Scott no filme. 

Chega pra lá, Noah Centineo: tem um novo galã de cabelos escuros e olhos fixos escalado para se tornar o próximo namorado da internet.

Introduzindo Hero Fiennes-Tiffin, que interpreta Hardin Scott no mais novo filme After, série (de livros) imensamente famosa de Anna Todd, de mesmo nome.

After foi originalmente serializada na plataforma de histórias, Wattpad, como uma história do One Direction, e conta a história de um relacionamento tumultuado entre Tessa Young e Harry Styles (que se tornou Hardin Scott nos livros, porque, você sabe, ™). A série no Wattpad já foi lida mais de 1.5 bilhão de vezes (sim, de verdade), baseado nesse sucesso, Todd conseguiu um contrato de publicação. Os livros da série atualmente têm 15 milhões de cópias em circulação.

Dada à imensa popularidade da série After, é esperado que você ouça bastante sobre essa estrela em ascenção quando o filme chegar nos cinemas dia 12 de abril… Enquanto isso, aqui está sua folha de dicas com tudo sobre Hero.

QUEM É HERO FIENNES-TIFFIN?

Hero é um ator e modelo inglês. Ele nasceu em Londres, dos pais diretores, George Tiffin e Martha Fiennes, e é sobrinho de Martha Fiennes. Ele faz parte da família Twisleton-Wykeham-Fiennes, o que quer dizer que ele é um descendente direto da nobreza Britânica.

NO QUE HERO FIENNES-TIFFIN ESTÁ?

Hero é mais conhecido por interpretar o Tom Riddle — ou seja, Lord Voldemort — de 11 anos em Harry Potter e o Enigma do Príncipe.

Dado que seu tio Ralph interpreta Voldermort nos filmes, a escalação, sem dúvidas foi uma escolha fácil.

Hero também encontrou sucesso como modelo, estrelando na campanha da Dolce & Gabbana, ano passado.

QUANTOS ANOS TÊM HERO FIENNES-TIFFIN?

Hero nasceu no dia 6 de novembro de 1997, o que faz dele tanto um homem de 21 anos, quanto um escorpiano, porque, óbvio.

QUAL É O INSTAGRAM DE HERO FIENNES-TIFFIN?

É @hero_ft, e ele tem um número casual de 595 mil seguidores. Claramente, os trouxas o amam. [Referência à Harry Potter]

HERO FIENNES-TIFFIN TEM NAMORADA?

A ser decidido. A estrela em ascensão, até agora, permaneceu quieta em seu status de relacionamento, mas sem dúvida haverá mais investigação (/invasão total da vida) à medida que a data de lançamento do filme se aproximar… fique atento.

  • Matéria Original: Elle Australia | Tradução: Karolline e Paula (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Artigos, Matérias

A chuva de matérias não para! Desta vez, foi a Inked Magazine que nos trouxe uma breve descrição da mudança brusca de personagens famosos que o Hero deu vida. De jovem Tom Riddle (Harry Potter e o Enigma do Príncipe) à Hardin Scott (After). Vale a pena a leitura:

Baseado no romance de 2014 da Anna Todd, é esperado que After seja um dos filmes mais assistidos de 2019. A história é sobre Tessa, uma obediente aluna da faculdade, que começa uma relação tumultuada com o maior rebelde na cidade. O filme estrela com Josephine Langford e Hero Fiennes-Tiffin, este último os fãs talvez reconheçam da mais mágica série de filmes do século.


Hero Fiennes-Tiffin teve seu primeiro grande trabalho em 2019, interpretando o jovem Tom Riddle em Harry Potter e o Enigma do Príncipe. Aos 12 anos, Fiennes-Tiffin aparece em uma memória de Alvo Dumbledore, que recrutou Riddle em nome de Hogwarts. Milhares de atores mirins fizeram audição para o papel cobiçado, no entanto, Fiennes-Tiffin foi escolhido pelo diretor David Yates pela sua habilidade em trazer a escuridão em linhas improvisadas. E, apesar de que seu talento tenha ajudado o ator a dar o primeiro passo, sua relação com Ralph Fiennes (seu tio e o Lord Voldemort adulto) ajudou a fechar o acordo.

Embora seu tempo interpretando Lord Voldemort talvez tenha sido curto, sua representação do personagem ficou com a fã-base por anos. É por isso que sua transformação em um melancólico estudante da faculdade para seu filme que está chegando é em especial, surpreendente. Fiennes-Tiffin não é mais um garoto, mas sim, ao invés disso, um homem que vai esquentar as coisas no filme de 2019, After. No filme, Fiennes-Tiffin interpreta o tatuado bad boy que a autora vagamente se baseou no Harry Styles. E embora as tatuagens do ator talvez sejam apenas maquiagem, nós estamos impactados com seu tatuado personagem principal.

O que você acha sobre sua transformação na carreira? Dá para acreditar que você está olhando para o jovem Lord Voldemort? Diga-nos seus pensamentos, opiniões e perguntas sobre essa história nas seções de comentários.

  • Matéria Original: Inked Magazine | Tradução: Caroline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Artigos, Destaque, Matérias, Notícias, Projetos, Revistas

Mais um trecho da tão aguardada entrevista de Hero para Wonderland Magazine foi divulgada, deste vez pelo famoso Just Jared. Confira traduzido:

O ator de After, Hero Fiennes-Tiffin descreve como ele lida com a filmagem de cenas românticas

Hero Fiennes-Tiffin está elegante na capa da edição de primavera de 2019 da Wonderland.

Veja o que a estrela de After, de 21 anos, compartilhou com a revista:

Sobre seu personagem em After, Hardin Scott: “Eu definitivamente aprendi a não julgar meu personagem, porque há momentos em que você quer… Sabe quando você está gritando com a tela durante um filme? Eu senti que Hardin é muito assim. Mas também é ótimo, como ator, interpretá-lo, porque é esse tipo de coisa impulsiva e ilógica que você realmente precisa estar envolvido para fazer isso.”

Sobre lidar com fãs recém-encontrados: “Eu não leio muito [os comentários do Instagram]. Há coisas que você deveria ouvir das pessoas quando as conhece [pessoalmente]… E há algumas coisas que as pessoas estão confortáveis ​​demais para dizer por trás de um teclado… Estou contente em ouvir apenas o que ouço quando dizem na minha frente, ao invés de precisar, ou me sentir inclinado a ler essas coisas. Parece pouco natural para mim. Eu aprecio muito tudo isso, obviamente… A ‘coisa’ repentina da fama tem sido um pouco impressionante, mas você sabe, é tudo legal.”

Sobre as cenas românticas: “É a mesma coisa com toda atuação… quando algo parece estranho antecipadamente, seja você ficando realmente irritado do nada em um quarto silencioso, ou se você está fazendo cenas íntimas de sexo, você está lá para trabalhar e todos os outros estão lá para trabalhar.”

  • Matéria Original: Just Jared | Tradução: Caroline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em After, Destaque, Entrevista, Notícia, Notícias

Em janeiro deste ano, Hero realizou um ensaio fotográfico e concedeu entrevista, e foi capa de fevereiro da revista Wonderland. A entrevista ainda não foi divulgada online, entretanto, o jornal “Metro News” divulgou um trecho. Confira traduzida:

O sobrinho de Ralph Fiennes, Hero Fiennes-Tiffin, diz que filmar cenas de sexo para um filme inspirado em Harry Styles foi todo em dia de trabalho.

Hero vai estrelar em After, baseado nos livros de ficção de Anna Todd sobre a 1D. Ele não teve problemas em beijar sua co-estrela de 21 anos, Josephine Langford, explicando: “É a mesma coisa com toda atuação… quando algo parece estranho antecipadamente, seja você ficando realmente irritado do nada em um quarto silencioso, ou se você está fazendo cenas íntimas de sexo, você está lá para trabalhar e todos os outros estão lá para trabalhar.”

E posando para a revista Wonderland, Hero, também de 21 anos, está feliz com seus próprios fãs. “A fama repentina tem sido um pouco impressionante, mas é tudo legal”, disse ele.


  • Matéria Original: Metro News | Tradução: Caroline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Destaque, Entrevista, Notícia, Notícias

Vogue cita Hero Fiennes-Tiffin em artigo

Recentemente, a revista Vogue publicou um artigo em seu site sobre artistas em ascenção ano de 2019 e Hero apareceu na lista. Confira a matéria traduzida:

Não estava óbvio para Hero Fiennes Tiffin- sobrinho de Ralph e Joseph- que ele iria atuar. “Não foi de repente, acordei-um-dia-e-me-apaixonei-pela-coisa,” Tiffin diz. Em fato, foi mais um flerte de longa duração. Quando ele aceitou papéis cedo (por exemplo, em Harry Potter e o Enigma do Príncipe, como Tom Riddle com 11 anos), “o incentivo era mais o dia fora da escola,” ele admite. Mas com mais exposição vieram mais oportunidades convincentes, como fazer a versão jovem do personagem de Jack O’Connell em Private Peaceful, um drama de guerra de 2012. Foi um momento de divisor de águas que Tiffin não tinha certeza que viria. “Havia algo muito relacionável sobre [O’Connell] como pessoa que de repente fez tudo parecer tão mais tangível e acessível,” ele diz. Agora com 21 e todo dentro, Tiffin está achando seu passo. “Há algumas coisas no pipeline- nenhuma tão perto de ser definida- que eu estou muito apaixonado,” ele diz. (Uma que está definida é a adaptação de Anna Todd, After, marcada para ser lançada mais tarde esse ano.) “Eu estou gostando da ideia de só estar sendo sugado por isso.”

  • Matéria Original: Vogue | Tradução: Caroline (Equipe Hero Fiennes-Tiffin Brasil)
Arquivado em Destaque, Entrevista, Notícias